Pesquisar este blog

Total de visualizações de página

sexta-feira, 19 de junho de 2009

bebês dos 0 aos 4 meses - A Base da Estrutura Psíquica Formação da Autoestima (1).

Ely Paschoalick fala sobre a importância dos cuidados emocionais com o recem nascido, dos zero aos 4 meses para bem estruturar uma auto-estima positiva no ser humano.

Conhecedores que são do efeito do relacionamento: mãe-recém nascido na formação da Estrutura Psíquica do adulto, é que os países do 1º Mundo oferecem à gestante um longo período de afastamento do trabalho, de maneira que esta possa interagir o maior tempo possível com seu bebê. No Brasil, só recentemente o período de licença da gestante trabalhadora foi um pouco ampliado. Apesar de ter sido uma grande conquista, ainda não é o suficiente.
Ao ler este artigo você vai entender como é que uma criança pode, apesar de amada, desejada e querida, desde muito cedo, instalar em seu SER sensações de rejeição, incapacidade e inferioridade, iniciando um processo de disfarces, através do qual mascara em seu comportamento todo o auto-conceito negativo que está construindo no mais profundo do seu íntimo. Assim, apesar da existência de potencialidades e capacidades, o processo cognitivo fica todo prejudicado acarretando: - baixo rendimento escolar; -exagerada desconcentração e desatenção; -grande descuido ou descaso na realização de tarefas; -mudanças bruscas e extremistas de humor!
0 A 2 MESES (SER)
É neste período que se inicia a formação da auto-imagem e as sensações deste período serão a base desta formação. Do zero aos 2 meses o ser humano é concentrado em si mesmo e não é capaz de separar-se da mãe durante este período, que é conhecido como FASE DE AUTISMO. Neste período a criança desenvolve os sentimentos sobre simesma a partir da percepção dos sentimentos de seguranca e aceitação da mãe ao alimentá-la, banhá-la, trocá-la, etc. Tais percepções são guardadas no inconsciente da criança e por isso alimentá-la acariciando seu corpo, sentir prazer e aceitação ao cuidar dela são estímulos que a auxiliam na formação da auto-imagem positiva.
DOS 2 AOS 4 MESES (SER)
É neste período que se inicia a capacidade de esconder ou disfarçar os sentimentos reais e é a base para a conclusão sobre ser capaz de ser amada ou merecer amor. Dos 2 aos 4 meses a criança começa a formar uma relação separada da mãe e inicia uma imagem própria de sua identidade. Ao ter a experiência de ser tratada com prazer, paciência e aceitação (inclusive de suas fezes, seu cheiro, seus choros...) a criança grava sobre si própria a identificação de ser alguém capaz de ser amada ou merecer amor.
Neste período (conhecido como FASE DA SIMBIOSE), a mãe deve se relacionar com a criança como um espelho, imitando as expressões faciais que o bebê faz. O espelho é de grande importância na formação da identidade. Se a mãe desqualifica as expressões faciais de tristeza, medo, amor, raiva ou alegria do bebê e espelha ao contrário, pode trazer confusão e iniciar-se aí a impotência de identificar o que realmente sente.
A criança começa a criar um mecanismo de defesa que a capacita a disfarçar ou esconder os sentimentos reais (raiva, medo,tristeza, alegria, amor) substituindo-os por emoções de “rebusque” como mágoa, culpa, zanga, pavor, paixão, revolta, ódio, injustiça,fracasso, triunfo, impotência, onipotência, vingança,manipulação...
Exemplo de desqualificação da expressão do bebê: “Sorrir e fazer expressões de alegria frente a uma criança que chora de raiva ou de medo, na tentativa de que ela pare de chorar”. 'Ficar rindo e achando graça quando a criança está expressando através do choro e caretas seu mal estar'. Para a formaçao de uma forte e positiva base para a autoestima é importante que os adultos imitem as feiçoes do bebê dos 0 aos 4 meses. “Imitar como se fosse um espelho” as expressões faciais do bebê é entrar em sintonia com ele. Esta atitude lhe traz seguranca e sensações de aceitação e adequação.
Numa próxima ocasiao falaremos sobre os cuidados que os pais devem ter dos 5 aos 18 meses.
Mande-me através do campo “comentário dos leitores” suas dúvidas, experiências, comentários e sugestões que terei imenso prazer em responder-lhe pois certamente NINGUÉM É MELHOR DO QUE NÓS TODOS JUNTOS.

3 comentários:

  1. Olá! Tudo bem? Acompanho seu blog desde o início de minha gestação e ador! Parabéns! Gostaria de saber como identificar se meu bebe vivenciou bem a fase do espelho. Tive dificuldade por que, geralmente, quando chorando ou zangado ele não me olhava muito nos olhos, mais para a boca, então, eu imitava a expressão facial dele e ia conversando: "a mamãe ta aqui meu amor, calma" mas fico em dúvidas se conseguimos vivenciar bem essa fase. Ele agora está com 6 meses
    um abraço
    obrigada

    ResponderExcluir
  2. Boa noite
    Tenho uma filha de 4 meses e 3 semanas,nessa fase o bebe pode usar o choro para manipular os pais?

    ResponderExcluir
  3. Boa noite
    Tenho uma filha de 4 meses e 3 semanas,nessa fase o bebe pode usar o choro para manipular os pais?

    ResponderExcluir